Ceramista argentina expõe no Bazar dos Arteiros

As “Mujeres” da escultora argentina Luciana Guiot são contorcionistas e, quase sempre, floridas. Os vestidos ou cabelos cascateiam até o chão. Não têm braços e suas fisionomia delicadas lembram gueixas, melindrosas, camafeus. A maioria delas cabe na palma da mão. Modelados em cerâmica e pintadas com acrílico, os singulares torsos femininos já estiveram expostos na Espanha, Estados Unidos e Chile, além de diversas cidades da Argentina. No día 24 de setembro, pela primeira vez, vieram ao Brasil junto com sua criadora, que participou do Bazar dos Arteiros promovido pela Agência Livre para Informação, Cidadania e Educação (ALICE) no Espaço Via Trastevere (Travessa da Paz, 44, bairro Menino Deus), das 9 às 19 horas.

“Me interessa que a linguagem da pintura interaja com essas mulheres corpóreas de uma maneira muito simples, vestindo, envolvendo, penetrando e resignificando esses corpos”, diz a escultora, que  vive e trabalha em Tucumán, Argentina. Seu trabalho já foi exposto em várias cidades argentinas, Espanha, Estados Unidos e Chile. Luciana trouxe a Porto Alegre 30 exemplares das “mujeres”.  “Gosto de pensar que são pinturas em si mesmas, que se meteram nesses volumes sólidos e frágeis para poderem existir e serem vistas”, observa Luciana. Diplomada pela Escola de Belas Artes da Universidad Nacional de Tucumán, ela já recebeu diversos prêmios e, atualmente, trabalha como docente na Facultad de Artes da Universidad Nacional de Tucumán.

Além de Luciana, participaram do Bazar, os artistas plásticos Ernani Chaves (desenhos e gravuras), Lídia Fabrício (pinturas e objetos com técnica de colagem), Vera Rotta (desenhos, colagens e camisetas exclusivas), Silvia Marcuzzo (cerâmica), Amaro Abreu (desenhos), Augusto Abreu (desenhos e objetos) e Daniela Mei (desenhos); os cartunistas  Santiago, Moa, Rafael Correa, Edgar Vasques, Uberti; os fotógrafos Luiz Abreu, Otávio Teixeira, Eduardo Tavares, Marco Couto, Felipe Farias, Douglas Freitas; os artesãos Guillermo Guterres (arte em tecidos), Nina de Oliveira (bolsas, camisetas, almofadas e bijouterias) e Rosina Duarte (chapéus); e o joalheiros Antonio Perra. Também foram expostos livros do escritor José Antonio Silva e publicações da Editora Libretos, além de CDs dos músicos Batuque de Cordas, Nivaldo José, Maria Lúcia.

Durante o Bazar, aconteceu uma sessão de autógrafos do livro “O Sargento, o Marechal e o Faquir”, escrito pelo jornalista Rafael Guimarãens e uma apresentação de música celta e irlandesa pelo grupo The 4Laeaf, integrado por Daniela Mei (percussão), Julia Lorenz (Violino e bandolim)

Larissa Neubarth (Banjo e Violão) e Stefania Colombo (flautas).
Conheça mais sobre os arteiros no site: http://vrotta.wixsite.com/osarteiros

Nenhum comentário ainda.

Dê sua opinião