Fotos do Arado Velho e música latina presentes no Sarau da Alice

arturo%20cussen%20%20paula%20preiss%20-%20divulgacao5O último Sarau Amigos da Alice- realizado no dia 24 de novembro – apresentou o trabalho de fotógrafo Felipe Farias sobre o sítio ecológico Arado Velho, localizado no bairro Belém Novo, às margens do Guaíba e ameaçado pela construção de três mega condomínios de luxo. Também acolheu a música latino-americana nas vozes do chileno Arturo Cussen e de Paula Preiss.

A exposição Na Trilha Do Arado Velho, do fotógrafo Felipe Farias, reúne 20 imagens da trilha localizada no interior da Fazenda do Arado, que ele percorria ainda criança. “É um trabalho bem intimo, mas ao mesmo tempo, coloca em pauta todo o contexto da causa”, explica. A causa diz respeito a ameaça representada por um empreendimento imobiliário que pretende construir 2.300 casas em áreas de várzea e banhados protegidos por lei. A fazenda Arado Velho é patrimônio ambiental arqueológico (com sítio Guarani pré-Colonial de alta relevância cadastrado no IPHAN – RS02265),histórico, cultural, arquitetônico e paisagístico da cidade de Porto Alegre. Para lutar por sua preservação foi criado o movimento Preserva Arado, do qual Farias faz parte. Líderes deste coletivoo também compareceram ao Sarau para conversar com os amigos da Alice.

Na mesma noite, Arturo Cussen, músico chileno, e Paula Preiss, artista gaúcha, apresentaram clássicos da música latino-americana. Com violão e bombo legüero, a dupla interpretou músicas de Victor Jara, Los Jaivas, René Ferrer, Totó la Momposina e composições próprias. Arturo e Paula, lideram o grupo Circo da Silva, com 10 anos de atuação, apresentando espetáculos no México, Colômbia, Chile, Perú e diversos estados do Brasil. Ambos também fizeram parte da banda Songoro Cosongo, que se destacou no Rio de Janeiro entre 2005 e 2015. Atualmente residem e Porto Alegre, onde continuam desenvolvendo seu trabalho artístico e apresentando seu repertório em centros culturais e casas de show.

na-trilha-do-arado-velho-foto-de-felipe-farias8Como acontece tradicionalmente, a programação ainda contou com a presença do grupo Batuque de Cordas- formado pelos violonistas Vinícius Corrêa e Claudio Veiga-, com Cristiano Hanssen e Nivaldo José, além de vário músicos responsáveis pela “canja”. O público apreciou, ainda, o Bazar dos Arteiros com sua variedade de obras produzidas por cartunistas, fotógrafos, artesãos, músicos e escritores. As rendas do Sarau e do Bazar são  parcialmente revertidas para os projetos da Alice.

 

Tags:

Nenhum comentário ainda.

Dê sua opinião